Você está aqui
Home > TI Empresarial > Redes e Telecomunicações > Soluções de Monitoramento de Rede de Baixo Custo para Empresas

Soluções de Monitoramento de Rede de Baixo Custo para Empresas

Olá amigos,
Após um longo tempo sem postar retornei com a corda toda. Estou com muitas ideias e gostaria de compartilha-las com vocês. Bom, vamos ao que interessa.
No ultimo artigo eu apresentei algumas soluções de segurança de perímetro muito boas e de baixo custo, agora vamos falar de algumas das principais ferramentas para monitoramento de um ambiente de TI. Lembrando que o foco é sempre falar de soluções  de baixo custo.
Como de costume recomendo a leitura dos artigos abaixo, para que possam
entender e perceber a importância da Segurança da Informação para uma
organização:

 

Para manter a padronização de nossos artigos usaremos a seguinte
estrutura:

 

1) Estrutura do artigo

  • A importância do monitoramento;
  • Cacti;
  • Nagios;
  • MRTG;
  • Aprofundando o conhecimento;
  • Conclusão;
  • Bibliografia;
  • Palavras do Autor.

 

2) A importância do monitoramento

Até pouco tempo atrás poucos administradores de rede se preocupavam em monitorar o ambiente de forma pró-ativa, hoje isso é imprescindível. Mas surgem algumas perguntas: O que monitorar, Quando monitorar?, É realmente necessário?
Muitos administradores obtem respostas para essas perguntas  quando sofrem a primeira indisponibilidade de um serviço crítico, e quando começam a receber ligações de pessoas de todos os setores da organização: O que houve?, não consigo acessar a internet, não consigo acessar o meu e-mail, e por aí vai.
Atualmente, para uma organização ter sucesso e conquistar mercado, ela não pode se dar ao luxo de ficar parada por causa de problemas que poderiam ser facilmente evitados através de um monitoramento pró-ativo. Ter um ambiente mapeado e monitorado contribui consideravelmente para o crescimento de uma organização, uma vez que atualmente a grande maioria das organizações dependem da Internet e dos serviços que ela disponibiliza para realizar negócios.
2.1) O que monitorar?
Mas então, O que monitorar? Primeiro temos que observar atentamente quais os equipamentos e serviços primordiais funcionando em seu ambiente, segue abaixo a relação de equipamentos e serviços que normalmente são monitorados:
  • Firewall;
  • Servidor de Correio;
  • Servidor de Arquivos;
  • Servidor Web;
  • Controladores de Domínio;
  • Servidor de Impressão;
  • Servidor DNS;
  • Servidor DHCP;
  • Servidor Proxy;
  • Roteadores;
  • Switches de borda;
  • Switch Core;
Esses são serviços e equipamentos básicos para o funcionamento de um ambiente de TI, o que não impede de sua empresa disponibilizar outros serviços importantes dentro ou fora da organização, sendo assim eles também devem ser monitorados.

 

2.2) Ferramentas de monitoramento

Existem muitas ferramentas de monitoramento de rede, com diferentes características e diferentes preços, mas não é intenção deste artigo fazer propaganda para nenhuma ferramenta proprietária. Iremos apresentar algumas características importantes de três das principais ferramentas de monitoramento livre (software livre) disponíveis na internet, as quais destacamos nos capítulos abaixo.

 

3) Cacti

O Cacti  é uma ferramenta de monitoramento amplamente utilizada em ambientes de grande porte, onde recolhe informações e as exibe através de uma interface web amigável. Foi desenvolvida para ser flexível de modo a se adaptar facilmente a diversas necessidades. Com essa ferramenta é possível monitorar o estado de elementos de rede (Switches, roteadores, servidores), Programas, Largura de Banda, Uso de Processador, memória, quantidade de processos e etc.
Na realidade o Cacti é uma interface para o RRDTool, que é responsável por armazenar os dados recolhidos e gerar os gráficos. As informações são repassadas para a ferramenta através de Scripts, SNMP ou outros programas. Sua arquitetura permite que os administradores ampliem sua funcionalidade através da instalação de plugins, e um desses plugins é o PHP Network Weathermap que possibilita gerar mapas de rede e mostrar o estado de cada elemento.

 

 

4) Nagios

O Nágios assim como o Cacti é uma famosa ferramenta de monitoramento de código aberto licenciado pelo sistema GPL. Pode monitorar tanto elementos de rede quanto serviços, alertando caso algum problema aconteça (indisponibilidade). Sua arquitetura também permite que sejam adicionadas novas funcionalidades, caracterizando uma ferramenta extremamente flexível. Não é tão simples de configurar e como o Cacti mas é extremamente poderosa.
O Nágios permite o monitoramento de serviços como o HTTP, ICMP, SNMP, SMTP e outros além de permitir a criação de mapas da rede, também através de plugins. Monitora recursos de computadores como Processadores, utilização de discos, logs de sistemas e outros.
Uma funcionalidade muito importante do Nágios é a capacidade de enviar mensagens através de SMS ou e-mail quando serviços ou equipamentos de rede apresentam problemas. O maior objetivo do Nágios é imformar ao administrador de rede quando algum problema acontece ou está prestes a acontecer antes mesmo que seus clientes ou chefe o façam.

 

 

 

5) MRTG

O MRTG (Multi
Router Traffic Grapher) assim como o Nágios e o Cacti auxilia os administradores de rede no monitoramento do ambiente.  É uma ferramenta free bastante utilizada para monitorar links de Internet.

 

Foi desenvolvida por Tobias Oetiker e Dave Rand para monitorar o tráfego de roteadores, mas pode ser utilizada para criar gráficos para vários elementos de rede. Foi desenvolvida em Perl e pode ser executado em várias plataformas, tais como: Windows, Linux, Unix, Mac OS e Netware. Por ser uma ferramenta livre foi licenciada sob os termos da GNU General Public License.
Assim como as outras ferramentas o MRTG utiliza o protocolo SNMP para obter informações dos equipamentos monitorados.

 

6) Aprofundando o conhecimento

Para que possa saber mais detalhes sobre as ferramentas basta clicar nos
nomes das soluções que seguem:

 

 

7) Conclusão

Com isso podemos concluir que existem muitas alternativas de excelente qualidade a um baixo custo, exigindo apenas um pouco de estudo para operar as ferramentas. Todas possuem boa documentação que auxiliam na instalação e configuração, além de muitos tutoriais na Internet.

 

8) Bibliografia

– http://en.wikipedia.org/wiki/Multi_Router_Traffic_Grapher
– http://pt.wikipedia.org/wiki/Nagios
– COSTA, Felipe. Ambiente de Rede monitorado com Nágios e Cacti. 1. Ed. Rio de Janeiro: Ciência Moderna, 2008.

 

9) Palavras do Autor

Espero ter contribuido com mais um pouco de conhecimento para os amantes
da segurança da informação e da tecnologia.Você pode se cadastrar em nosso blog para receber as postagens via FEED
ou via E-MAIL, para isso deverá procurar pelos campos de
registro na parte superior direita do BLOG. Caso tenham alguma
dúvida ou sugestão podem deixar um recado com e-mail, blog, orkut e etc.O que acharam do artigo? Deixe seu recado informando se foi o suficiente
para esclarecer suas dúvidas, ou com sugestões de novos artigos.Um grande ABRAÇO !!! 

Deixe uma resposta

Top