Você está aqui
Home > Conhecimento > Livro – Wikinomics

Livro – Wikinomics

As relações humanas e profissionais estão evoluindo rapidamente, e a tecnologia tem um papel importantíssimo neste processo. Por isso que, o livro Wikinomics, pra nós que trabalhamos com tecnologia ou áreas que utilizam a Internet, torna-se uma leitura quase que obrigatória.

Entender todo o potencial da Internet, é muito importante, uma vez que ela tem impactado significativamente quase tudo que fazemos. O tema principal do livro é o poder de colaboração que a grande rede proporciona, e como isso tem influenciado os novos negócios e forçado empresas já tradicionais, a mudar para sobreviver em uma nova economia global. Segue o resumo:

 

1) Resumo

A colaboração tradicional, em salas de reuniões, teleconferências e centros de convenções, vem sendo sistematicamente superada por colaborações em escala astronômica. Atualmente, enciclopédias, sistemas operacionais, fundos mútuos e até aviões são produzidos por equipes formadas por milhares ou mesmo milhões de pessoas. Enquanto alguns executivos temem o crescimento exponencial dessas enormes comunidades online, Wikinomics prova que tal medo é pura insensatez. Empresas inteligentes podem explorar competência e genialidade do coletivo para estimular inovação, crescimento e sucesso.

Baseado em um projeto de pesquisa de U$$ 9 milhões liderado pelo renomado autor Don Tapscott, Wikinomics nos mostra qua multidões de pessoas podem participar da economia como nunca aconteceu antes. Através da colaboração em massa, os indivíduos agora criam uma ampla gama de bens e serviços gratuitos e de código aberto que qualquer um pode utilizar ou modificar. Assim, produzem novos programas de TV, sequenciam e genoma humano, remixam suas músicas favoritas, elaboram softwares, descobrem curas para doenças, editam textos, inventam novos cosméticos e até constroem motocicletas.

 

2) Nossa opinião

A equipe da Geeksline recomenda a leitura de Wikinomics. Garantimos que ele mudará a sua visão sobre a Internet. Vale lembrar que este não é um artigo patrocinado, ou seja, não recebemos nada para escrevê-lo. Nós lemos, gostamos, e recomendamos!

 

Gostou do artigo? Pode compartilhar a vontade! Leu o livro? Então compartilhe a sua experiência nos comentários conosco!

Deixe uma resposta

Top